ALAORPOETA

ALAORPOETA

07 agosto 2012

INTOLERÂNCIA



















Mala fala? Fala!
Malafala. Má. Lá. Fá. Lá
do púlpito a milhões
de séquitos turistas
passageiros dos céus.
Mala fala? Fala
ordena moraliza
postes de mãos levantadas
perdoa condena.
Mala fala? Fala!
Dentro vai um cofre.
Se lá malafala fala
é lei.

Alaor Tristante Júnior

9 comentários:

  1. Menino que escreve. Sabe.
    Wanilda Borghi

    ResponderExcluir
  2. Mala fala ainda mais quando é um malafala sem alça.
    vOCÊ CONHECE o Heitor Gomes? O Poeta das multidões? Então , ele é um malafala que fala.

    ResponderExcluir
  3. Uma triste verdade! Malafala mais do que deve. Também está escrito: " NÃO MURMUREIS" E eles, os malas vão além do murmúrio.

    MUITO BOM!

    Beijos

    Mirze

    ResponderExcluir
  4. Creo que así debe ser Alaor. Hablar de aquello que es bueno y necesario, no criticar sin exponer razones, no hablar y no cumplir, no malafalar para no ser entendido.

    Un abrazo, amigo.

    ResponderExcluir
  5. CONVITE

    Passei por aqui, para lê o seu blogue.



    Admirável. Harmonioso. Eu também estou montando um. Não tem as Cores e as Nuances do Vosso. Mas, confesso que é uma página, assim, meia que eclética. Hum... bem simples, quase Simplória. E outra vez lhe afirmo. Uma página autentica e independente. Estou lhe convidando a Visitar-me, e se possível Seguirmos juntos por Eles. Certamente estarei lá esperando por você, com o meu chapeuzinho em mãos ou na cabeça.
    Insisto que vá Visitar-me, afinal, o que vale são os elos dos sorrisos.

    www.josemariacosta.com

    ResponderExcluir
  6. Mala fala. Tudo fala e isso é importante. A fala é a única comunicação dos malas, dos baús e afins. Aquilo que achamos malas, outros acham uma maravilha. Por isso a diversidade é importante. Até o Mirto Fricote fala. Então por que mala não falaria?. Amém!

    ResponderExcluir
  7. Ua mala "neia eclética" como foi, com rara felicidade, comentada!
    Podemos crer que seja cheia de meias e nâo de $$$. Parece que muitos não perceberam a troca do i... Ele fala realmente muitas vezes em REAIS, mas as vezes há reais palavras exortativas. Mas assim como o mensalão não existiu e não existem réus, talvez não existam malas nem existem reais.Mas tua poesia é crítica e viva no tempo do poeta. E cada poeta deve ter olhos para seu tempo. Cumprimentos MLuzia

    ResponderExcluir
  8. Uma das coisas que há no poeta é que pode desabafar em poesia, o que muitas veses imcompreensiva para muitos, até a critica se torna linda, e voa como aves para os corações compreencivos. Gostei.

    ResponderExcluir
  9. hola Alaor,
    mala comunicación existe siempre!

    un abrazo^^

    ResponderExcluir